Suicídio entre Médicos e Estudantes de Medicina

Lonely

O jaleco branco não protege o ser humano abaixo dele do suicídio. Pelo contrário, pode a ele gerar maior ideação de tirar a própria vida! Importante leitura, tanto para os cuidadores quanto para os que são cuidados! Vinte anos se passaram desde a publicação deste artigo, mas será que a realidade hoje é diferente?

Suicídio entre médicos e estudantes de medicina

“Numa revisão da literatura disponível sobre suicídio entre médicos, verificamos que em toda parte do mundo a taxa de suicídio na população médica é superior à da população geral. (…) No Brasil, Martins destaca alguns fatores estressantes associados ao exercício profissional: sobrecarga horária, privação de sono, comportamento idealizado — contato intenso e freqüente com a dor e o sofrimento; lidar com a intimidade corporal e emocional — contato com a morte e com o morrer; lidar com pacientes difíceis — incertezas e limitações do conhecimento médico, isto é, o medo do erro médico.”

 

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-42301998000200012&fbclid=IwAR0kFDiznWgt2-H0CcwBc0mKbto1IY99zvzENXAMgkSAcJ3LsjpIa2Pq_Uc

Publicado por marianamendesdesa

Médica de atuação no cuidado da saúde mental e neurociência focada em profissionais que sofrem de Fadiga por Compaixão. Desde criança dizia que, para alguém ser um bom profissional deveria amar o que faz. Mais tarde, já sendo médica, percebeu como as pessoas que servem aos que sofrem podem ver suas atividades profissionais interferirem positiva ou negativamente em sua qualidade de vida, dependendo da forma como lidam com os desafios diários. Decidiu então trabalhar cuidando dos que cuidam em diversos aspectos da vida humana. Tem como paixão viajar e conhecer diferentes culturas ao lado do seu marido. Graduação em Medicina pela Universidade do Estado do Pará (UEPA), especialização em Psiquiatria pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e pelo Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo (IAMSPE), e pós-graduação em Neurociência pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). CRM/SP 205.318

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: